Pesquisar Search

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Referenciais TIC para professores competentes


Rede Bibliotecas Escolares: Escolas e ensino/aprendizagem virtuais

VISCED: projeto internacional financiado pela Comissão Europeia que visa proceder a um inventário de iniciativas de ensino/aprendizagem inovadoras suportadas pelas TIC e de escolas e faculdades virtuais em todo o mundo. Pretende também, a partir dos exemplos inventariados, identificar os fatores que conduzem ao sucesso da educação virtual na faixa etária estudada, a dos 14 aos 21 anos. Inclui o perfil de competências desejável para os professores ao nível das TIC, o qual pode ser consultado aqui

Empatia, ingrediente principal nas Bibliotecas Escolares


Esta ideia é desenvolvida com muita assertividade por David Lankes nesta palestra - The Post Recession Library - procurem o minuto 13:00 e oiçam.

Empathy, (makes) the difference between knowledge and understanding.


Com a devida sensatez, este conceito é deveras útil. Não se trata de eliminar os recursos materiais (livros, espaço, equipamentos, etc) mas de os redimensionar à escola daqueles para quem eles devem existir e organizar e daquilo para que trabalhamos.

The Post Recession Library: Why Technology is No Longer a Luxury
SPONSORED BY: Polaris Library Systems, and Library Journal 
Starts: Wednesday, August 17, 2011-2:00-3:00 PM ED

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Diálogos imaginários


Blogue do PNL: Diálogos imaginários:
O Plano Nacional de Leitura ( PNL ), a Rede de Bibliotecas Escolares ( RBE ) e a Associação Promotora do Museu do Neorealismo (APMNR) lançam um concurso dedicado às escolas secundárias e com 3º ciclo. Com o apoio das suas bibliotecas :) e dos seus professores, os alunos criarão diálogos imaginários entre Manuel da Fonseca e Alves Redol, autores que foram próximos em vida e que em 2011 cumpririam cem anos.
Desafio para usar a imaginação e o saber, tal como livremente eles o fizeram, em palavras, imagens, sons, partilháveis pela internet... Ora leiam lá o regulamento, vá, e atrevam-se.

Também podem consultar os Destaques da RBE


terça-feira, 15 de novembro de 2011

Autoavaliar para melhorar a biblioteca escolar (Espanha, 2011)


Muito interessante, para a cultura profissional de quem trabalha nesta área, a recente publicação de (mais) uma ferramenta para autoavaliação de bibliotecas escolares.
Ler mais aqui:
Bibliotecas escolares ¿entre interrogantes? : Herramienta de autoevaluación
Preguntas e indicadores para mejorar la biblioteca? / Inés Miret, Mónica Baró, Teresa Mañá e Inmaculada Vellosillo. Ed. Ministerio de Educación  : Fundación G. S. Ruipèrez2011